7 de dez de 2010

Unlucky & sentimentos.



Já assistiram aquele filme "Sorte no Amor"? Com a Lindsay Lohan...?
Então, o filme fala sobre sorte e azar. Mais de azar que sorte, na minha opinião.
Vocês acreditam em sorte? Bom, eu sim.
Sei que muita gente pensa: "Ai, que coisa idiota, esse negócio de sorte não existe!"
Bem, pra mim existe. E existe muito bem existido. Eu estava pensando sobre o que mais postar hoje, além das baratas... E eu parei para pensar. Eu não tenho do que reclamar, certo? Minha vida é ótima. Amigos, saúde, família, casa, comida, escola. Mas... essas coisas nunca estão TOTALMENTE na ordem. Eu não quero dizer que tudo deva estar sempre organizado. Mas de vez em quando é bom, não acham?
Ter uma vida tranquila e em paz. Porém, mesmo que esse seja o desejo de todos, quase nunca acontece. A sorte normalmente é tão maldita que quando parece que tudo está em ordem, sempre vem algo e bagunça tudo. Se estamos bem com a família, vem um redemoínho e bagunça nossas amizades. Se estamos bem com os amigos, acontece alguma briga na família. Brigas, muitas vezes, desnecessárias. Se estamos bem fora, dentro da escola está uma desordem de dar medo. É sempre assim. E é aí que vem o outro assunto... o sentimento.
Sentimento, na minha opinião, é uma coisa boa. Muito boa. Por que? Porque aprendemos com ele, aprendemos com ele bem mais do que aprendemos com fisíca ou química. Com eles apredemos a raciocinar bem melhor do que com matemática... E com ele aprendemos coisas sobre nosso próprio corpo, que jamais aprenderíamos em biologia. Mas aí vocês me perguntam... Como assim?
Como assim? Eu vou explicar:
Suponhamos uma garota. Jovem e apaixonada. Amor e paixão são dois sentimentos que nos deixam fora de órbita. E quando estamos perto da pessoa amada, ficamos inquietas, sorrindo de suando. Mas quando estamos perto de alguém que amamos mas não nos quer, ficamos tristes, o corpo fica dormente, o estômago embrulha e sua pele começa a formigar. A respiração para e você fica tonta. Jamais entenderíamos nosso corpo de tal forma lendo em livros.
Ou então... o sentimento também pode nos ajudar na vida. O sofrimento é uma coisa que passamos por conta do sentimento, e ele nos faz enchergar as coisas erradas que fazemos e não repiti-las, isso é aprendizado.
Bom, para concluir... Queria dizer que a sorte só aparece depois de uma maré de azar. Assim como a felicidade, que só vem depois de uma onda de tristesa.
Se acham que estão sem sorte... parem e reflitam sobre as segundas chances que vocês tem todos os dias.


Nenhum comentário:

Postar um comentário