28 de out de 2010

Semana de Provas.

Eu gostaria muito de saber se algum dia nosso cérebro se livra disso tudo.
Eu estou em semana de provas na escola, e pior do que estudar loucamente para fazer a prova e depois fazer a prova, é saber o resultado. 
Mas não estou falando do resultado que o professor dá. Estou falando do resultado que os "CDFs" da sala dão.
Eu termino a prova achando que fui bem, e três minutos depois está lá... O menino mais inteligente da sala falando as respostas e blá blá blá. Primeiro que isso me deixa chateada o dia inteiro, porque estudei absolutamente para nada. Só para fazer a prova a saber que errei tudo. E segundo que isso deixa as pessoas irritadas. Ninguém quer, depois que terminou uma prova complicada e bem elaborada, saber o que errou ou acertou. Isso só serve para deixar qualquer que seja a pessoa, mais tensa ainda. 
Mas hoje eu tive uma surpresa com o meu peixe (sim, eu tenho um peixe no lugar do cérebro). Ele fez com que eu fosse bem na prova de física, coisa que só aconteceria por um milagre. Claro que errei algumas, e deixei outras sem fazer, mas as que eu fiz com vontade, eu consegui acertar!!! Happy!!! 

Purê de miojo.

Hoje minha mãe teve que passar no mercado para pegar comidas já prontas para nós. Ela trabalha muito e quase não tem tempo de vir fazer o almoço. 
E o que eu mais gosto na minha mãe, além de ser minha mãe, claro. É que ela sabe muito bem cada coisa que eu gosto, e quando ela foi hoje buscar o almoço, ela viu que tinha purê de batatas. Uma das sete coisas que eu mais gosto de comer na minha vida!
Ela trouxe uma porção de purê de batatas e o resto. Só que teve um problema.
O miojo.. Ops! O purê estava até que gostoso, mas o problema é que ele estava com gosto de tempero de miojo!!!
Quem em sã consciência põe tempero de miojo no purê de batatas???
Eu comi, claro. Não desperdiço purê, mas poxa... Era no mínimo de se esperar que eles o fizessem com um tempero normal.
Se eu quisesse comer algo com gosto de miojo, obviamente eu não compraria o purê e sim um pacote de miojo da turma da Mônica no supermercado.

Né, Larita?

27 de out de 2010

Dedicatória às melhores amigas do mundo.

Tenho que admitir que embora eu pareça uma pessoa muito sociável, eu nem sempre fui assim.
Sempre tentei ser amiga de todos, mas são esse "todos" que nunca tentaram ser meus amigos.
Desde que sou pequena, tenho a minha melhor amiga. A Raphaela, ela é a garota mais incrível que eu já conheci e amo ela tanto quanto amo a minha família. Aliás, a Rapha é minha irmã. Nós somos bem diferentes... Eu gosto de rock inglês e americano, ela só ouve música japonesa. Ela é completamente viciada na cultura nipônica e eu gosto mesmo é dos europeus. Mas fizemos muitas coisas juntas durante toda a nossa vida, e hoje em dia ela é (e para sempre será) a minha melhor amiga.
Mas não pensem que existe só a Rapha no meu mundo. Desde pequena também sou amiga da Marcela Cristina, uma louca ruiva que me apresentou o que hoje posso chamar de inspiração de vida: a Britney Spears. A Marcela é completamente maluca e viciada em música pop. Em 2008 não saíamos da internet, pois passávamos poucas e boas em nossos fakes da Britney.
Porém esse ano, tenho que agradecer à Deus por me aproximar da Gabi e me apresentar a Lara e a Giovanna. 
A Lara veio de outra escola, assim como a Giovanna, e se tornaram duas amigas que jamais irei esquecer. Acho que não sei mais como é ficar um dia sem elas duas. A Gi me entende e tem os mesmos gostos que eu, a Lara é muito parecida com a Gi e é uma fusão de Raphaela e Giovanna. Gosta da cultura nipônica e da européia, assim como eu e a Gi gostamos. 
A Gi é simplesmente fanática por Beatles, e o que mais gosto nela, é que eu posso sempre contar tudo à ela, e mesmo ela achando que é idiota, vai tudo terminar com um sorriso.
O que eu mais gosto na Lara "graxinha" é que além de me ajudar com os estudos, ela sempre me ouve, e quando eu estava triste, atendeu ao meu pedido e veio dormir aqui em casa. Ficamos abraçadas por horas enquanto eu chorava. Ela me protege as idiotices dos outros e aguenta as minhas próprias idiotices e meus dramas.
Tenho várias outras amigas, e amo todas demais. Mas acho que essa semana me dei conta de como essas citadas a cima são simplesmente as melhores do universo. Mesmo com seus defeitos e problemas. Afinal, todos nós temos.

Gabriel, eu, a Lara, a Gabi e a Gi.

Raphaela ♥

Giovanna e Eu.

Marcela e eu.

Lara.

26 de out de 2010

Scooby-Doo! Where are you? - Scooby Dooby Doo!



AAAAHHH!!! Minha mãe trouxe pra mim do McDonalds. Sim, eu e minha mãe as vezes jantamos lanches do McDonalds, é muito bom.
Enfim, ela comprou um Mc Lanche Feliz para ela e veio com esse Scooby-Doo de brinde. Eu sou incrivelmente apaixonada por Scooby-Doo! Já assisti todos os filmes, tenho os filmes reais deles, já vi todos os episódios, de todas as temporadas e tenho (tinha, pelo menos, até meu computador ser formatado) as trilhas sonoras de todos os filmes e episódios do desenho.

I ♥ U, Scooby-Doo!

Tédio, canseira e falta de criatividade.

Chega o fim de ano e eu simplesmente fico meio morta.
Sim, eu fico completamente entediada com tudo... Escola então, nem se fala.
Eu fico meio que sem saber o que fazer... Tenho que estudar, mas não tenho ânimo, quero assistir alguma coisa na TV mas não quero ao mesmo tempo, quero ler algum livro mas sinto preguiça... Eu fico em uma preguiça sem fim. Em um tédio sem fim. Minha diversão aqui no prédio tem sido a dona I. que por mais chata e insuportável que ela seja, ter que vê-la todos os dias de manhã enchendo o saco do faxineiro, se torrou algo engraçado.
Nos últimos dias eu ando muito cansada. Ainda mais porque estamos no fim do ano e as provas agora são mais corridas do que no primeiro semestre. É canseira que não acaba mais. Estuda, come, dorme e vai pro computador. É essa a minha rotina desse bimestre. Antes eu estava indo para a escola todos os dias a tarde para estudar na biblioteca, mas agora nem tenho mais pique para isso. Estou tão em pânico porque sei que vou ficar de recuperação de física e matemática, que nem saio mais de casa.
Sem contar que estou de castigo por ter gasto 650 reais de telefone. Sim, gastei tudo isso, mas caso eu não tenha comentado a respeito disso em algum outro post, não quero comentar neste também. Vocês me chamariam de débil mental. RS.
Bom, a minha falta de criatividade deve-se à tudo o que expliquei nos parágrafos acima, o que desconto em 7 horas ininterruptas de Star Wars, brigadeiro e coca-cola.

25 de out de 2010

Parem de matar as pessoas nas histórias.

Mentira. Não li, não.
Eu li somente o resumo para poder fazer uma prova amanhã, de literatura, como já é de se esperar.
Eu não sei se vou me dar bem nessa prova, espero que sim. 
Sabem, eu estava esperando que a tal história fosse diferente, mas não é à toa que é uma obra romântica... A moça morre no final.
Sim, desculpa... Eu sou do tipo de pessoas que sempre diz se o mocinho, no caso, a mocinha morre no final.
Eu fiquei desolada com o final da história, porque eu esperava que ela e o marido de entendessem e eles fossem ficar juntos mesmo. MAS O JOSÉ DE ALENCAR MATOU A MULHER!
É, fazer o que, né?

24 de out de 2010

Eu quero aparatar, mãe!

      Para quem não sabe, aparatar é o ato de desaparecer instantaneamente de um lugar e ir para outro.
Isso foi retirado da história a qual venero, Harry Potter.
   Os bruxos normalmente aparatam quando precisam ir trabalhar, ou ir fazer qualquer outra coisa. Mas eu, particularmente gostaria de aparatar não somente porque sou preguiçosa, mas também porque as vezes acontecem um monte de coisa comigo. Coisas que me dão vontade de pegar a Lara, a Gi, a Gabi e o Gabriel e ir para bem longe. Onde não tenha telefone e nenhum outro tipo de aparelho de comunicação. 
      Se isso fosse possível de acontecer, eu seria muito feliz. Seria mais feliz do que já sou.
    Eu não tenho motivos para reclamar da minha vida, a não ser a minha incapacidade de aprender física e matemática. Mas o resto é perfeito. É tudo perfeito! Mas as vezes eu me encho de algumas "perfeições" e quero sumir! Aparatar!!!

Um dia de "natureba"!

Hoje eu estava no parquinho aqui do prédio onde moro e resolvi, como sempre, tirar umas fotos.
Vejam aqui e no Flickr o que é que deu tudo isso...





Meu Flickr!

http://www.flickr.com/photos/55131083@N06/

23 de out de 2010

Como é se sentir um patinho fora d'água.

Muitas pessoas se perguntam como é se sentir assim, não é?
Bom, eu tenho a resposta...
É quando você sente que não se encaixa em nenhum grupo. Esse ano eu me encontrei entre amigos, sabem? Fiz amigos que sei que vou levar para a vida inteira, tirando a Raphaela (minha flor, minha irmã) e a Marcela (a minha segunda diva, haha). Mas esse ano fiz amigos incríveis, mas é como se eu fizesse o máximo e não fosse aceita como eu mesma. Eu sei que isso é bobagem minha, mas as vezes eu me sinto como se tudo o que eu faço é como se eu estivesse copiando alguém. Ou melhor dizendo... É como se achassem isso de mim. Eu consigo deduzir isso no olhar de algumas pessoas e eu sinto um incomodo inexplicável. 
É estranho você gostar de algumas coisas e usar algum tipo de roupa e ter pessoas no mesmo lugar que você, olhando seus amigos e você como se fossem estranhos.
Sei que tem uma pessoa que vai ler isso aqui e pensar "aff, nem adianta tentar, Angela..." mas eu por exemplo... AMO ouvir música Grunge.. como por exemplo: Alice in Chains, Blood Red Shoes... E também as mais conhecidas, como Nirvana e Pearl Jam. E quando algumas pessoas perguntam de que música eu gosto e respondo isso, me olham como se eu tivesse vindo de outra galáxia.
Me sinto melhor quando eu digo que não gosto somente de Grunge.. mas que também gosto de outras coisas... Como por exemplo, minha banda favorita é Red Hot Chili Peppers, como muitos dos meus leitores já podem saber. Mas quando digo isso ninguém me acha tão estranha. 
Outra coisa que acontece é que quando eu falo que sou apaixonada por Harry Potter e Star Wars algumas pessoas me olham como se eu fosse uma doida. 
Ok, só porque eu gosto de coisas que não são muito reais, não quer dizer que eu seja MALUCA!
Quantas vezes você consegue ouvir que o que você ouve ou assiste é "brochante"? Vai por mim, eu ouvi isso várias vezes esse ano. Mas, desculpem se o que eu faço, ouço ou assisto não é da preferência de alguns por aí.. Não tenho culpa e não posso fazer nada.

Voltando à vida.

Você já sentiu como se tirassem uma parte de você?
Calma, não estou falando de alguém que morreu ou coisa parecida.
Todos da minha família estão bem e meus amigos estão ótimos. Mas eu estou falando de alguma coisa material. Como o computador por exemplo.
Acho que eu fiquei mais ou menos um mês sem computador e eu estava realmente numa situação precária. Eu não sei como consegui ficar um mês inteiro sem quase não postar nada no Blog ou assistir aos vídeos do PC Siqueira. Hoje eu quase tive uma overdose de PC. Tanto o Siqueira quando o computador que eu tenho em casa mesmo.
Agora eu posso entrar no meu Twitter que eu tanto sentia falta (@angelavms) e meu Facebook. Acho que meus amigos do Facebook acham que o Brasil afundou, porque não atualizo meu perfil à semanas!


Bom, pessoal, espero que gostem dos próximos posts... De agora em diante eles serão realmente frequentes!

17 de out de 2010

SWU

Para quem não sabe, o grande e tão esperado evento SWU, cuja sigla quer dizer: Começa com você, foi na cidade de Itu e provavelmente foi muito bom. Sim, deve ter sido mesmo muito bom, mas como eu não pude ir... Não desfrutei de tamanha alegria.
Sim, não fui por um único motivo: Sou nova demais. O que leva ao ponto chave: A MINHA MÃE MANDA E DESMANDA NA MINHA VIDA FINANCEIRA E NA MINHA LIBERDADE!!!
Se você que está lendo isso é menor de idade como eu, que carrega seus lindos 15 aninhos nas costas assim como eu, sabe exatamente do que eu estou falando.
As bandas que se apresentaram são ótimas e dentre elas haviam algumas que eu estava realmente maluca para ver. Eram o Kings of Leon, Queens of the Stone Age, Link Park, Mars Volta e o show de Joss Stone e Regina Spektor. Mas sabem de uma coisa? Eu pedi no mínimo umas 13 vezes para minha mãe me deixar ir, mas a resposta era sempre a mesma: N-Ã-O!
As vezes é tão insuportável ser nova demais para tudo. Tão insuportável quanto o cachorro aqui de casa, o Canino. Ele late, baba, ronca e baba mais um pouco. É muito doido, esse cão!
Espero que o SWU se torne um evento anual, para que eu possa ir assim que fizer 18 anos!!!

Rage Against the Machine 

Kings of Leon

Tropa de Elite com a Tia (:

                                     

Hoje eu fui assistir o filme Tropa de Elite 2 com a minha tia e a minha prima. Vou ser sincera, fiquei impressionada com o filme porque eu não sou do tipo de pessoa que gosta de filmes com violência, tirando os filme Duro de matar 4.0 e os filmes "Máquina Mortifera", que são ótimos. 
Mas, então... Fui assistir o filme e eu nem ao menos conhecia a história. Eu não havia assistido ao primeiro filme, e para ser bem mais sincera, não me interessa ver.
Mas esse segundo filme é muito bom porque ele não se trata somente de pancadaria, tiros e sangue. Não, esse filme aborda a capacidade de pensar das pessoas. No caso, do personagem principal.
Não vou fazer um resumo do filme, se quiserem mesmo saber a história, vão até o cinema mais próximo e assistam, só posso dizer duas coisas:
1 - O filme é realmente muito bom!!!
2 - Quem o assistir, vai pensar duas vezes antes de fazer o tal "voto de protesto" votando em alguém como o palhaço que elegeram. E também pensarão duas vezes antes de votar nulo.

16 de out de 2010

Faz tanto tempo...

Pessoal, faz um tempão que eu não escrevo nada aqui no blog, mas esse fim de semana eu consegui um computador para poder fazer alguma postagem.
Sabem, eu fiquei de castigo e tal.. Mas acho que isso meus queridos leitores já sabem, mas o que vocês ainda não sabem é que o meu lindo e precioso computador quebrou. O dito cujo simplesmente não liga mais e eu estou com abstinência de internet.
O que eu posso dizer sobre essas ultimas semanas sem o PC?
Bom, estão sendo bem complicadas, mas eu consegui me adaptar ao terrível acontecimento, e estou arrumando tempo para as coisas da escola... Coisa que eu deixava de lado por conta da internet. Também estou tendo mais tempo para mim, estou cuidando da casa (mais ou menos, claro, mas tento ajudar a minha mãe) e estou tendo muito tempo livre, que uso para ler e me divertir assistindo filmes, em especial a Saga Star Wars e Mensagem Instantânea, que é o meu filme favorito.
Não tenho muito o que dizer, até porque a maior parte das pessoas que leem (sim, achei a palavra leem sem o acento uma coisa muito estranha, mas mudou com a reforma ortográfica), mas como eu estava dizendo, a maior parte das pessoas que leem o meu blog são conhecidas minhas, então já sabem como é o meu dia-a-dia.
Eu queria dizer que estou com muita falta de criatividade hoje, e que estou correndo porque tenho que ir tomar banho e ir lá na sala assistir filme com o meu pai.
Eu gostaria que vocês comentassem, e dizessem o que gostam mais no meu blog, podem dizer a verdade. E se não gostarem de nada, por favor digam.
Não que eu vá parar de escrever no blog por causa de uma opinião ruim a respeito de meu blog.
Espero que todos meus leitores estejam bem, beijos pessoal, assim que eu tiver oportunidade eu volto a escrever no blog.