3 de jan de 2011

De volta ao mundo dos blogueiros e expectativas.

     Não voltei na data prevista, pessoal. Para falar bem a verdade, voltei beeeeem antes do previsto. Mas acho que ser blogueira se tornou um vício, um vício muito complicado. Estou sempre tendo idéias novas para novos posts e espero que todos continuem acompanhando.
    Bem, eu queria comentar hoje sobre uma coisa que aconteceu comigo no incio do ano passado.
    No começo de 2010 eu e uma amiga, a Marcela (a minha Maeve, rs), estávamos super animadas porque iríamos para o primeiro colegial. Quando somos crianças achamos que ir para o colegial é uma coisa um tanto quanto "glamurosa" e que vai ser como vemos nos filmes. Bom, não foi bem assim. Nós estávamos aimadas e cheias de expectativas. Achávamos que estar no primeiro ano do ensino médio, entrar para o colegial seria uma coisa legal, que teríamos mais liberdade e seríamos mais independentes. Que tudo ia acontecer como vemos nos filmes adolescentes norte-americanos, ou em livros. Mas, não foi bem assim também.
     Eu e a Má sempre conversávamos sobre como seria divertido, e sim, o ano passado foi bom. Fiz novos amigos, tanto eu quanto a Marcela. Mas e o "glamour" que prevíamos?
     Os adolescentes vão para o colegial muito iludídos. Não é uma coisa ruim, é uma série legal, mas ainda sim temos uma visão deturpada do que é o colegial. Não tem nada de glamuroso em estudar mais do que estudava no ensino fundamental e não tem nada de divertido em ser pressionado 24h para ser o melhor em tudo para poder passar no vestibular. Se vocês, alunos do 9º ano (8ª série), que foram para o 1º colegial estão achando que vai ser "D + ", esqueçam. Não vou mentir e falar que é uma série demoníaca e horrorosa. Tudo tem seu lado bom, e indo pro primeiro colegial você aprende ainda mais a conviver com as diferenças, porque até a 8ª série todo mundo é meio parecido e espera as mesmas coisas do colegial e do mundo todo. Acha que tudo o que faz é difícil e blá blá blá. Mas chegando no colegial você vê que a sua vida no ensino fundamental era mais fácil e que você reclamava de barriga cheia, e você se depara com pessoas mais maduras e que pensam muito diferente de você. No entanto, eu consegui ser amiga de uma garota assim esse ano, que é diferente de mim, ainda mais quando se trata de sentimentos, mas nos tornamos amigas e esse é o melhor lado do colegial. Fazer amigos diferentes de você. Isso te ajuda a se tornar alguém mais maduro.
     Não quero assustar ninguém, só quero alertar para que não entrem no colegial como bobócas assim como eu e a Má entramos, rs. Porém, se o 1º ano for pra vocês tão bom quanto foi pra mim, vocês vão para o 2º ano mais maduros e concientes do que está por vir, rs.
     Ah, é, Feliz Ano Novo, leitores (:

Um comentário: