15 de jan de 2011

Pessoas tristes e complicações.

Nos últimos dias, eu estive pensando... Por que as pessoas simplesmente não mudam? Por exemplo:
Se tem algo que te encomoda, uma pedrinha no sapato... Você não tira o sapato e joga a pedrinha longe? Então... Podia ser assim com as coisas mais complexas também. Assim como uma pedrinha no sapato algumas pessoas nos fazem mal na vida. Pode ser que a pessoa seja alguém incrível, maravilhosa e super legal. Mas mesmo sendo tudo isso, ela não te faz feliz. Não é necessário você desejar o mal para ela e "sem motivos" expulsar ela da sua vida. Porque... Se a pessoa não te faz feliz, isso já é motivo suficiente pra se afastar dela.
Eu andei pensando em uma pessoa que está precisando ler isso, porque... A vida dessa pessoa, que eu amo demais, por mais que esteja melhorando agora, pode muito bem de uma hora pra outra voltar a ser como era antes: um saco.
As vezes, quando estamos em um relacionamento que não nos faz bem, devemos deixar a pessoa partir, não é? Garotas jovens fazem isso quando acham necessário, e garotos também. Jovens. Então porque as pessoas que já são um pouco mais velhas e com mais experiência não podem fazer isso também?
Eu penso o seguinte: Se você tem força e coragem pra aguentar uma vida corrida, se encarregar de uma casa, família e emprego, você pode muito bem ter coragem pra ser feliz. Por mais que você tenha uma vida estável, isso não quer dizer felicidade.
Espero que isso tenha ajudado alguém, porque esses dias eu andei pensando que alguém deveria pensar nesse assunto todo também.
Coragem de enfrentar o desconhecido, em algumas ocasiões, pode significar a sua felicidade e a paz interior de alguém próximo.
Não adianta ser uma pessoa feliz aparentemente, mas chegar em casa e viver uma vida triste e sem emoção.

Um comentário: