5 de fev de 2011

Seja mais Woodstock você também!

     Para muitas pessoas Woodstock é aquele passarinho que anda com o Snoopy. Bem, é também, mas... Acho que o nome foi inspirado no Festival de Woodstock, 3 dias de paz e música. O Festival, até onde eu sei, deveria acontecer na cidade de Woodstock no estado de NY já que era lá a cidade onde vivia Bob Dylan. A população não aceitou e o evento foi levado para  Bethel, a uma hora e meia da cidade. Esse festival exemplificou a era hippie do início dos anos 70. O primeiro festival durou quatro dias e 38 artistas e mais os meus favoritos, tocaram lá: Joan Baez, John Sebastian, Santana, Grateful Dead, Janis Joplin, Joe Cocker e Jimi Hendrix, fizeram do festival o maior símbolo musical de todos os tempos. Nos quatro dias do festival, haviam mulheres e homens nus andando por todos os cantos e ninguém estava preocupado com perversão ou coisa do tipo. Claro que sempre há pessoas que valorizam o sexo de um jeito errado, mas quem estava lá, estava para curtir a boa música e ficar em paz. Claro que houveram confusões e nem tudo foi mil maravilhas, mas foi em 1994, na segunda edição do Woodstock que a coisa ficou feia. Para comemorar os 25 anos do Woodstock, 250 mil pessoas se reuniram para ouvir Red Hot Chili Peppers, Green Day, Aerosmith e Metallica e mais 36 bandas. Claro que o festival não foi bem o que todos esperavam, devido à reputação do primeiro evento. Por isso, quando fala-se de "Woodstock" as pessoas só lembram do primeiro. Ninguém faz questão de lembrar do último em 94. Bom, uma vez eu ouvi "Você já é uma moça. Tem que parar de se vestir como uma moleca. Tem que passar a usar salto alto e parar com essa coisa meio "woodstock". Eu não vejo nenhuma garota hoje em dia ser assim como você".  Bem, o segundo Woodstock pode não ter sido ótimo, mas o primeiro foi. 

     O primeiro, que é símbolo musical até hoje, foi bom. Havia música, amor e paz, como o próprio nome diz. Não vejo problema em ser meio "Woodstock". Não é uma coisa ruim. É uma coisa boa. Envolve paz e música, quer coisa melhor? Rs. Então, tenho a resposta para quem me disse isso: Eu agradeço por se importar comigo, eu amo muito você, muito mesmo. Mas eu sou assim, não vou deixar de ser assim só porque os outros querem ou não gostam. Eu não vou me vestir com uma sandália de salto alto e uma blusa branca com flores só porque os outros acham bonito. Eu também acho lindo, mas não em mim. Eu não me sinto bem assim. Se na sua visão eu sou "Woodstock", então, eu agradeço por isso também. 
Bem, a moral de hoje é: Se você é criticado pelo seu jeito de vestir ou pelas músicas que você ouve, seja mais Woodstock você também (:

Nenhum comentário:

Postar um comentário